ÁGUA e “consensos” sobre ela

Categorizar

Funções-da-água-no-corpo-humano

Cerca de 23% dos seus ossos, 70% do seu organismo, 77% do seu cérebro e 92% do seu sangue são ÁGUA: estas estatísticas anátomo-fisiológicas por si só mostram que é impossível ter saúde sem ela, concordam? E o vasto material disponível sobre ÁGUA.

 MAS os “consensos oficiais” (no Brasil) dizem que o ser humano deve ingerir “pelo menos” 2 litros de água/dia, quando estou convencido que a recomendação deveria ser de “pelo menos 3 (TRÊS) litros por dia, bem distribuídos ao longo do dia (e água de qualidade); continuem lendo para saber o porque.

 Até porque sobre os “consensos” em geral, quando um deles diz algo em saúde pressupõe-se que “autoridades” naquela área reuniram-se em determinada época e avaliaram tudo o que estava disponível, “cientificamente válido” e por fim chegam a uma posição “oficial” sobre o assunto. O problema é que até esta “opinião oficial” ser divulgada, explicada, ensinada, aceita, implantada, colocada nos livros e até mesmo impressa, este processo pode demorar ANOS: por isso é que MUITAS vezes um “consenso” já está defasado quando finalmente torna-se público… Isto quando não reflete, eventualmente, interesses “ocultos” inidôneos…

 Mas voltando ao assunto ÁGUA, sabem por que (na MINHA opinião, sempre, em saúde, embasada cientificamente) o mínimo deveria ser de 3l de água/dia, em torno de 1l de manhã, 1,5l à tarde e 0,5l à noite (e nunca passando mais de 2 horas sem tomar água mas evitando mais que 150 ml de líquidos junto às refeições)?

 – Dizer que 2 litros/dia “é suficiente” leva em consideração que o indivíduo irá consumir também, pelo menos, 5 porções de frutas/legumes (ou outras fontes de “água dentro dos alimentos) no dia – Só uma pergunta aqui: a maioria das pessoas que você conhece alimenta-se assim?- Ainda sobre os 2 litros, isto serve para quem está ao nível do mar (ou seja, baixas altitudes), submetido a clima ameno, com atividade física diária leve a moderada e sem massa gorda corporal excessiva – Ocorre que a maioria da população brasileira está submetida a condições bem diferentes destas!

– O abuso de algumas substâncias exige ainda mais água por dia, pela desidratação (absoluta ou relativa) que elas causam; exemplos disto são café, alguns chás, refrigerantes, doses, alimentos excessivamente salgados (ou com muito sódio “embutido” em sua composição”;

– Quando você pede 3 litros já é pensando que a maioria vai “melhorar” mesmo em 20% a menos que o orientado (o que já é lucro para muitos)

 Será que agora ficou mais claro?

 Abraço e boa semana!

https://www.icaro.med.br/artigos/?s=agua

Comments

2 thoughts on “ÁGUA e “consensos” sobre ela

  1. Hj no planeta, temos um cálculo da porcentagem de água para daqui a quantos anos aproximadamente?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.