Resumo de temas da Liga da Saúde – de 20 a 29/06/12

Descubra os principais usos dos temperos….Posted: 29 Jun 2012 09:00 PM PDT
*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.
Dicas para não engordar no inverno….Posted: 28 Jun 2012 09:00 PM PDT

O frio chegou para valer… E garanto que a sua vontade de comer também… E isso acontece porque com o frio, além do apetite, nosso organismo aumenta o gasto energético e se esforça mais para aquecer nosso corpo, o frio é uma espécie de “termogênico natural”. Seja esperto e controle sua dieta nesse período, sua perda de gordura é mais favorecida do que em outras épocas do ano.
Dica: espelhe-se nos ursos que hibernam no inverno e se mantêm vivos “comendo” suas reservas (gorduras) durante meses. Seja um URSO, utilize seus depósitos de gordura nesse período ao invés de ficar acumulando mais energia (gordura) em seu corpo, dessa forma você entrará no “lucro” quando o verão chegar!   Lembro que, não estou falando para você não ingerir nada, apenas para que faça as escolhas certas!
Outro erro grave que ocorre nessa época do ano, é que muitos se acomodam em casa e esquecem a atividade física. Resultado: valor calórico total aumentado e gasto de energético diminuído, ponto positivo para o ganho de peso e para os prejuízos a saúde. Portanto, ao invés de ficar ai sentado no sofá, enrolado no cobertor e engordando, aproveite que seu metabolismo que está mais acelerado, para perder os quilinhos extras…
Vamos a algumas dicas práticas que você poderá usar em seus dias gelados:
Você não precisa consumir alimentos diferentes dos que come no verão, ao contrário, você pode e deve continuar incluindo frutas, legumes crus e cozidos, alimentos integrais, chás, sopas e caldos, que são quentinhos e tem baixo valor calórico, mudando apenas a forma de preparo, por exemplo:
Legumes e hortaliças: façam ASSADOS, GRATINADOS, SALTEADOS com alho, REFOGADO ou em forma de OMELETE. Formas rápidas, nutritivas e versáteis que podem ser feitas com diversos vegetais.
Frutas: experimente ASSA-LAS, ficam deliciosas. Aproveite e polvilhe com canela que exerce efeitosobre o controle glicêmico e na sensibilidade a insulina, além de aumentar o metabolismo basal ajudando no emagrecimento e, esqueça o açúcar refinado que possui 40kcal em 1 colher de sopa, rouba o cálcio do organismo, e tem alto índice glicêmico, o que pode aumentar a incidência de diabetes, envelhecimento da pele e outros.   As frutas secas encontradas em lojas de produtos naturais possuem menos água e são ricas em fibras, “bacana” para levar em sua bolsa ou deixar na gaveta do escritório. Já que estamos falando de frutas, que tal um purê de maçã ou de pêra? (ideal para acompanhar algumas carnes, também).
PURÊ DE MAÇÃ Ingredientes: 1 Kg de maçã 2 colheres de sopa de água Modo de preparo: Cozinhe as maçãs no micro-ondas até que fiquem quase desmanchadas.
Depois de cozidas, passe-as na peneira e em uma panela acrescente dois cravos da índia, uma pitada de canela, e meio limão espremido.  Cozinhe por 10 minutos no máximo.
Você substituir e/ou misturar pêra a esta preparação.
Nas horas de maior compulsão alimentar utilize a linhaça, ela retarda o apetite. Prefira à dourada, adicione em sua salada, legumes, fruta ou sopa. Muito prático. #fica a #dica.
SOPAS são ótimas opções com baixas calorias para saciar a fome no frio. Não se esqueça de variar os legumes, verduras e especiarias utilizados. Dicas: Repolho, brócolis, couve, couve-flor, e nabo são capazes de ajudar na imunização contra o câncer de mama. Prefira sempre os alimentos orgânicos frescos que tem aproximadamente 20%menos água em sua composição e assim mais ricos em nutrientes que os convencionais. Não adicione creme de leite, queijos amarelos, linguiça e outras gorduras. No lugar de queijo ralado, coloque tofu e acrescente gergelim torrado. Quer engrossar sua sopa? Utilize um pouco de aveia em flocos. Fonte de fibras que favorece o bom funcionamento intestinal, a absorção de gordura e promove saciedade. Evite: o acompanhado de torradinhas ou bolachinhas, elas sim lhe fornecem ganho de peso. Alho, cebola e agrião possuem atividades anti-infecciosas, tradicionalmente usadas para problemas respiratórios. Não deixe de usá-los em suas preparações. Alimentos ricos em vitamina A e betacaroteno protegem os olhos do envelhecimento precoce e mantém a visão saudável. Então que tal uma sopa de abóbora.
SOPA CREME DE ABÓBORA COM QUINOA Ingredientes: 700ml de água filtrada
500g de abóbora 1 cebola média 2 dentes de alho 6 colheres (sopa) de quinua em flocos 5 colheres (sopa) de creme de soja (substituto do creme de leite) 2 colheres (sopa) de óleo de coco – VER PROPRIEDADES (clique aqui) sal marinho a gosto salsinha e cebolinha a gosto
Modo de preparo: Em uma panela aquecer 500ml de água com uma pitada de sal até atingir fervura. Adicionar a abóbora cortada em cubos. Deixar cozinhar até que fique macia e desligar o fogo. Em uma panela aquecer o óleo de coco e refogar o alho e a cebola, adicionar a abóbora e corrigir o sal, se necessário. Transferir a abóbora para um liquidificador e bater com o creme de soja, a quinua em flocos e o restante da água. Servir e decorar com a salsinha e cebolinha picadas. Mas… se estiver gripado, a canja de galinha bem quente é uma excelente opção. Nela tem cisteína, que ajuda a diluir o muco dos pulmões e limpar as vias aéreas.
As bebidas alcoólicas são comuns nessa época do ano “para esquentr o corpo”, mas lembre-se: elas são fontes de calorias vazias para o organismo, ou seja, fornecem apenas calorias e nenhum nutriente. ALERTA: Toda caloria consumida poderá ser armazenada no organismo na forma de gordura, caso não seja gasta de alguma forma.
PORÉM, o vinho realmente é “legal” para aqueles que gostam de “bebericar” de vez enquando! Isso por que, trabalhos recentes comprovaram que o resveratrol além de ser antioxidante e inibir a agregação plaquetária ele podeaumentar o metabolismo e auxiliar no tratamento da obesidade, garantido saúde neurológica e cardiológica do paciente. Desde que na quantidade certa, 365ml por semana, 1 de vinho tinto seco conta com 72Kcal.
Se a sua causa da dificuldade de emagrecimento é a compulsão por doces, turbine a ingestão de alimentos com CROMO: levedo de cerveja, pão integral, pimenta malagueta, ostra, batata, gérmen de trigo, frango, maçã e carne vermelha. Mas…se a vontade por chocolate for incontrolável, escolha o AMARGO, que traz mais vantagens à saúde. E no chocolate quente, opte pelo leite desnatado e chocolate meio amargo.
No Fondue, substitua o pão por legumes, use queijos magros e leite desnatado.
E não esqueça que, a melhor opção para aquecer o corpo ainda é o uso dos CHÁS, além de aquecer o corpo, podem atuar como calmantes naturais, auxiliar na perda de peso e fortificar a imunidade. Sugestões: casca de maçã ou laranja, erva-doce, hibisco, maracujá, cravo antimicrobiano, antifúngico, antiviral, antioxidante, anti-inflamatório e anticarcinogênico e GENGIBRE “muitos já sabem que é o meu preferido, não falta nunca em nossa clínica”… (por ele justamente exercer ação sobre a imunidade, reduz as dores musculares sentidas após a prática de atividade física e é considerado termogênico, aumentando em 25% sua queima de gorduras se utilizado todos os dias, use também o pó nas saladas, carnes, sucos e é claro em chás),
É possível ainda prevenir problemas como gripes, resfriados e doenças respiratórias através de uma alimentação equilibrada. Alimentos protéicos como a carne e os ricos em vitamina C, como a laranja, o limão, a acerola e o caju, auxiliam na formação de células de defesa os chamados anticorpos.
E uma dica importantíssima, não deixe de hidratar-se mesmo que sua transpiração diminua nesta época, água é fundamental para o correto funcionamento do organismo e a hidratação favorece ainda, o trabalho do sistema imunológico e o trabalho de remoção dos agentes agressores inalados.
Frio ou calor, não se esqueça de prestar atenção na quantidade daquilo que come, exageros sempre são prejudiciais. Comer moderadamente deve ser um hábito em sua vida.
Não dê mais desculpas e pare de exagerar no chocolate quente, fondues doces e salgados, feijoadas, bolos, molhos a base de cremes, bebida alcoólica, massas com queijos, que tem um alto valor calórico e abandonar as saladas. Seja esperto, e drible a preguiça e aproveite que seu corpo esta gastando mais energia e exercite-se, além de queimar calorias a atividade física eleva sua temperatura corporal. Mantenha ou perca peso neste inverno!

*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

ParadigmasPosted: 27 Jun 2012 08:59 PM PDT
Antes de seguir em frente neste post, observe/leia e reflita sobre estas 2 figuras:
No mundo de hoje, sobretudo, quem tenta quebrar um paradigma, por mais embasado que esteja, MUITAS vezes ainda enfrenta perseguições e retaliações “dignas” de Inquisição… Lamentável…

Enfim, as imagens dizem tudo

 

Reflitamos… Se muitos de nós não estivessem dispostos a quebrar PARADIGMAS (sempre com o devido embasamento, é claro), possivelmente ainda viveríamos na idade média, sem iluminação adequada (ou mesmo eletricidade) e acreditando que a Terra é o centro do Universo…

Entendamos: EVOLUÇÃO é um processo constante e inevitável que pressupõe, sempre, a existência da nossa disponibilidade, capacidade e vontade de rever nossos conceitos e não só aceitar mas empreender mudanças em nossas formas de pensar e agir.

É claro que mudar significa mexer na nossa “zona de conforto” e muitas vezes voltar a estudar, aprender… Enfim, dá trabalho mas quem melhora sem esforço?

Este breve texto, quase um “artigo, é especialmente para aqueles profissionais que parecem não entender que OU você estuda e atualiza-se constantemente OU corre o sério risco de continuar defendendo e utilizando o que não mais é correto/adequado (que pode até ter sido no passado mas não mais o é); e assim “passar vergonha” ou mesmo prejudicar alguém…

Enfim, lembremo-nos de Einstein, quando nos diz “não espere que fazendo novamente o mesmo que já sabemos que não dará certo, tendo dado errado nas últimas tentativas, milagrosamente começará a dar certo desta vez” E do ensinamento desta figura, muito elucidativo.

Abraço

Ícaro

Comer depressa aumenta risco de diabetes…Posted: 26 Jun 2012 09:00 PM PDT

Você deve ter ouvido sua mãe falar milhares de vezes: “Não coma tão rápido, mastigue direito”. Nesses tempos em que cada afirmação parece exigir o complemento “comprovado pela ciência”, você poderá então dizer aos seus próprios filhos: “Não coma tão rápido, dizem os cientistas”. Uma pesquisa apresentada no Congresso Internacional de Endocrinologia, em Florença, na Itália, mostrou que pessoas que comem rápido demais têm 2,5 mais probabilidade de sofrer de diabetes tipo 2. O estudo comparou pacientes que eram diagnosticados com diabetes tipo 2 com um grupo de controle de pessoas que não sofriam da doença. Foram identificados e isolados diversos outros riscos, incluindo histórico familiar de diabetes, educação, atividades físicas, índice de massa corporal, circunferência da cintura, tabagismo e níveis de triglicérides. Tudo isso à parte, os pacientes com mania de comer rápido demais apresentaram uma chance significativamente mais elevada de adquirirem o diabetes tipo 2 – uma chance 2,52 vezes maior. Os dados também mostraram que essas pessoas tinham um maior índice de massa corporal e um menor nível educacional do que a média do grupo controle. “A prevalência do diabetes tipo 2 parece envolver uma interação entre fatores genéticos e ambientais. É importante identificar fatores de risco que podem ser modificados, que possam ajudar as pessoas a reduzir suas chances de desenvolver a doença,” disse a Dra. Lina Radzeviciene, da Universidade de Lituânia. De posse desses resultados, a pesquisadora afirmou que agora irá tentar avaliar o tipo de alimento, a quantidade de calorias e fatores psicológicos e emocionais que possam afetar o risco do diabetes. Fonte: Diário da Saúde

Pilates para Gestantes: Saúde para a mãe e para o bebê!Posted: 25 Jun 2012 09:00 PM PDT

Durante a gravidez o corpo muda rapidamente, causando desconfortos, dores, má postura e alterações sistêmicas como o aumento do volume sanguíneo de 40% a 50%, aumento da frequência cardíaca, aumento do consumo de oxigênio, diminuição da resistência vascular periférica, diminuição da complacência venosa, aumento do volume plasmático, anemia fisiológica, aumento do peso corporal, aumento da lordose lombar e cifose torácica, deslocamento anterior do centro de gravidade para frente, alteração na marcha, alteração do alinhamento dos membros inferiores. Tudo isso tem uma solução: o Pilates! O método consiste em um programa de exercícios que pode trazer conforto à gravidez, pré e pós parto. Desde que não haja contraindicação médica.
A prioridade do Pilates é a qualidade e a execução correta dos exercícios. É muito importante escolher um profissional que seja especializado em Pilates, outro cuidado é evitar a prática com muitas pessoas ao mesmo tempo. O Fisioterapeuta deve orientar a gestante integralmente para que se evite o risco de lesões e, além disso, são contraindicados os exercícios de grande amplitude de movimento e a manutenção da gestante por muito tempo na mesma posição. A duração da aula para gestantes é a mesma de uma aula convencional: de 45 a 55minutos. E são recomendados pelo menos 2 aulas por semana para que a gestante sinta os benefícios do método.

Benefícios:
·  Melhora do alongamento; ·  Fortalecimento da musculatura do abdômen, assoalho pélvico, membros inferiores e membros superiores; ·  Correção postural; ·  Alívio das dores (principalmente lombares); ·  Melhora da circulação; ·  Melhora do condicionamento cardiorrespiratório diminuindo a sensação de cansaço; ·  Diminuição do estresse, tensão e ansiedade; ·  Melhora a consciência corporal; ·  Promove relaxamento e bem estar;
A soma de todos os benefícios citados possibilita uma melhora na qualidade de vida da mãe e consequentemente do bebe!!!

*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

Coluna vertebral e exercício físico – parte II…Posted: 24 Jun 2012 09:00 PM PDT

Após compreendermos as funções e a importância da coluna vertebral, com a finalidade de preservá-la, seguem abaixo algumas recomendações para quem sente dores, desconfortos ou possui deformidades ou hérnia de disco:
Em treinos de musculação:
–  Estar muito bem aquecido; –  Evitar sobrecargas elevadas; –  Evitar altas repetições (no máximo 15); –  Evitar exercícios com os 2 braços juntos. Os mesmos deverão ser realizados de forma alternada, como por exemplo: elevação frontal alternada e rosca bíceps alternada; – Desenvolvimentos aberto ou fechado só poderão ser feitos na ausência de desconforto, sobrecarga moderada e posição sentada; –  Evitar exercícios com barras, priorizando aparelhos e halteres; –  O agachamento em 3ª posição (pernas e pés afastados) é mais seguro do que o paralelo. A sobrecarga não deverá ser através de barras ou aparelhos para evitar a compressão da coluna, mas sim através de caneleiras na cintura ou halteres nas mãos, desde que não gere desconforto; – Exercícios para glúteos em 4 apoios deverão ser realizados com alternância das pernas e sem que haja desconforto; – Exercícios de fortalecimentos para os eretores da coluna, abdominais e alongamentos (mostrados nas figuras da 1ª parte do artigo) deverão ser realizados no mínimo 2 vezes por semana; – Exercícios de fortalecimento e alongamento com utilização da bola são ótimas opções; – Se exercitar na frente do espelho ajuda a manter uma postura e execução mais correta dos exercícios.
Em treinos aeróbios:
1 – Não permanecer muito tempo na mesma posição. Uma ótima opção para evitar dores nas costas é variar o treino aeróbio como por exemplo: 10 minutos de esteira + 10 minutos de bicicleta + 10 minutos de transport;
2 – Utilizar tênis com amortecimento o máximo de tempo possível, para minimizar o impacto na coluna durante ou fora do treino;
3 – Evitar sobrecarga nas aulas de modalidades aeróbias, como step, tae bo, etc… para minimizar o impacto, evitando futuros desconfortos;
4 – Não utilizar sobrecarga nos exercícios aeróbios, como por exemplo, caneleiras ou halteres nas caminhadas, pois prejudica a biomecânica do movimento;
Observações gerais:
1- Não esquecer de realizar alongamentos, como os citados na 1ª parte do artigo; 2-Buscar manter a postura ereta durante os exercícios, assim como fora dos horários de treino nas atividades diárias (digitar, ver televisão, ler, carregar sacolas, etc…); 3-No dia a dia, ao agachar, flexione os joelhos; 4-Ao levantar-se da cama ou do chão, vire-se de lado primeiramente.
CUIDE BEM DE SUA COLUNA!!!








*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.
Panqueca integral de iogurte…Posted: 24 Jun 2012 09:38 AM PDT


Ingredientes:
– 1 ovo – 150 ml de iogurte natural desnatado – 150 ml de leite desnatado – 1 xícara de farinha de quinoa – 1/2 xícara de farinha de trigo integral – 1 colher (chá) fermento – 1 pitada de sal – Óleo de coco ou azeite
Modo de Preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador. Coloque um fio de óleo de coco ou azeite numa frigideira e despeje a massa. Deixe dourar dos dois lados. Pode ser servida com recheio salgado ou com frutas. Bom apetite!



*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

Pêssego, ameixa e nectarina ajudam contra diabetes e doenças cardíacas, segundo estudo…Posted: 23 Jun 2012 05:34 AM PDT

 

Frutas com caroço como pêssego, ameixa e nectarina contêm compostos bioativos capazes de combater a chamada “síndrome metabólica”, doença que altera as taxas de glicose, triglicérides, colesterol, pressão e peso, conclui um estudo feito na Universidade Texas A&M, nos EUA.
Os resultados serão apresentados à Sociedade Americana de Química em agosto, na Filadélfia.
Segundo o cientista de alimentos Luis Cisneros-Zevallos, do centro de pesquisas AgriLife da universidade, essas frutas apresentam compostos fenólicos, antioxidantes que agem contra inflamações, diabetes tipo 2 – relacionada à obesidade – e doenças cardiovasculares.
As principais substâncias encontradas são antocianinas, ácido clorogênico, derivados de quercetina e catequinas. Elas atuam em células dos tecidos conjuntivo, vascular e gorduroso, controlando diferentes expressões de genes e proteínas.
Cisneros-Zevallos acredita que essa é a primeira vez que compostos bioativos de frutos mostram potencial para trabalhar em diferentes frentes contra uma doença.
O pesquisador ressalta que, de acordo com as estatísticas, 30% da população americana está obesa ou com sobrepeso, e os casos aumentam a cada ano em números alarmantes.
Apesar de os hábitos de vida e a predisposição genética terem uma grande responsabilidade sobre a obesidade, a síndrome metabólica também pode causar o excesso de peso.
A equipe pretende continuar a estudar o papel de cada tipo de composto sobre os mecanismos moleculares e confirmar o trabalho em ratos.
Fonte : G1
Orientações para melhorar seu rendimento no trabalho…Posted: 21 Jun 2012 09:00 PM PDT

Levanta a mão quem não tem seus dias, ou quem está todo dia cansado e sem pique no trabalho? Para melhorar o seu rendimento no trabalho e o ter mais energia durante o dia, inclua essas atitudes abaixo no seu dia:
1 – Uma alimentação equilibrada, sem altos e baixos, previne o cansaço, a falta de concentração, e confere bastante pique para enfrentar o dia, que ao se alimentar adequadamente  parecerá cada vez mais curto….
2 – Tomar um café da manhã é indispensável para deixar o bom humor lhe abordar logo cedo. Insira frutas ou sucos, cereais ou pães integrais, leite ou iogurte desnatado.
3 – Planejar lanchinhos para consumir nos intervalos da manhã e da tarde são essenciais, e conferem uma sensação de bem estar enorme. Frutas secas, biscoitos com fibras, frutas ou sucos, barrinhas de cereais, um pão de queijo ou uma vitamina de frutas com leite ou iogurte desnatado podem ser boas pedidas. Ter um pote com mix de frutas secas e castanhas no escritório pode ser uma idéia critativa para substituir as famosas balinhas que se dá aos clientes.
4 – Dietas malucas, restritas e que excluem certos grupos ou alimentos, podem deixar você irritada, e instável, evite fazer isso. Se você sente necessidade de perder um certo peso, comece de hoje a reduzir as quantidades do que como, mas não elimine nada! Insira mais vegetais, e opte mais por frutas, mas mantenha o restante também!
5 – Jamais pule o café da manhã. A pesquisas indicam que as pessoas que tomam café da manhã saudável permanecem mais dispostas no restante do dia.
6 – Se você anda sentindo muito “sono ou preguiça” depois do almoço, isso se chama alcalinidade pós-prandial. Sua circulação se dirige mais ao aparelho digestivo e o restante fica meio lento. Portanto, observe a quantidade que anda comendo, evitando o excesso que torna esse efeito maior.
7 – O excesso de doces, de forma isolada, leva a um aumento da insulina muito rápido, e por isso pode ser seguido de uma certa fraqueza, prefira consumi-los em quantidade pequena como sobremesa, quando o fizer.
8 – O “desespero” por doces pode ser por conta de uma privação de carboidratos complexos, como pães, arroz, batata, massas, que é a fonte energética preferida pelo corpo. E aí quando o corpo vai pedir ele acaba pedindo na forma de açúcar puro.
9 – Planeje seu almoço para que seja em um lugar gostoso e agradável, varie e descubra novas opções, pois a rotina pode se tornar chata!  Opte por diferentes cozinhas e varie o máximo que puder.
10 –  Inclua seu programa de atividade física, antes, após ou no intervalo do trabalho. As endorfinas liberadas durante o exercício tornarão seu trabalho mais produtivo.

*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

Um pouco mais sobre ÁGUAPosted: 21 Jun 2012 01:39 PM PDT

Ainda fala-se MUITA besteira sobre a ÁGUA, muitas vezes com “embasamento” em meras suposições sem qualquer respaldo fisiológico e outras até atendendo a possíveis “interesses não tão elevados”…
Falo um pouco mais sobre isto neste link ( https://www.icaro.med.br/agua/ ) e mais atualmente na matéria abaixo, do Correio Braziliense de 19/06/12. Confira:

Dois litros de água e uma grande polêmica – Marcela Ulhoa‏

Nutricionista australiano defende que o incentivo a um consumo mínimo do líquido é, na verdade, uma estratégia da indústria que engarrafa o produto. Segundo o pesquisador, frutas, verduras e legumes também fornecem os fluidos necessários para o bom funcionamento do corpo

Marcela Ulhoa
Beber pelo menos 2l de água por dia é realmente necessário ou alarmismo? Um estudo da Universidade La Trobe, da Austrália, sugere que a campanha para o alto consumo do líquido está muito mais ligada aos interesses de empresas que vendem o produto engarrafado do que a uma preocupação com a saúde pública. Responsável pela pesquisa, o nutricionista Spero Tsindos afirma que as conhecidas recomendações que defendem o consumo de oito copos de líquidos por dia foram mal interpretadas intencionalmente, de forma a colocar a água como a principal, e mesmo a única, responsável pela hidratação do corpo. Segundo o pesquisador, os alimentos com alto teor de água têm um papel muito mais importante do que se imagina, sendo a melhor opção, inclusive, para quem quer emagrecer. A tese defendida pelo nutricionista é polêmica e criou um rebuliço entre especialistas.
Para o médico ortomolecular Ícaro Alcântara, a defesa de Tsindos é um contrassenso. “Se a indústria de água engarrafada quer o maior consumo de água, existe uma enorme indústria da doença interessada em que as pessoas se cuidem cada vez menos para que elas possam lucrar em cima dos problemas de saúde”. Segundo Alcântara, a baixa ingestão da água é responsável pelo desenvolvimento de inúmeras doenças, como a cefaleia, a constipação intestinal e problemas relacionados ao ressecamento da pele e dos olhos.
O médico ainda defende ser essencial que um adulto consuma aproximadamente três litros de água durante o dia. “Essa média é calculada para uma pessoa com 60 quilos que vive no nível do mar. Considerando as pessoass que vivem em cidades muito acima do nível do mar, como Brasília, que está mil metros acima do nível do mar e submetido a uma umidade relativa do ar muito baixa, o que requer um consumo maior de água”, alerta. Segundo ele, a necessidade de líquido varia também de acordo com a taxa de atividade física de cada pessoa. “Todas as trocas de nosso corpo precisam da molécula de água para acontecer. A água hidrata, lubrifica, aquece, transporta nutrientes, elimina toxinas e repõe energia.”

Estudo no Saara Para auxiliá-lo em suas conclusões, Tsindos utiliza-se de uma etnografia realizada em 1976 pelo antropólogo Claude Paque sobre o consumo de água entre povos nômades do Deserto do Saara. Em tal estudo, foi constatado que as etnias africanas ingeriam metade da proporção do líquido consumida pelos europeus, e isso tudo em um ambiente infinitamente mais severo. “Não há nenhuma evidência para apoiar a crença dos oito copos de água por dia, mas há evidências de que um adulto saudável pode viver com muito menos”, defende Tsindos em entrevista ao Estado de Minas. Para ele, o “exagero” encontra explicação na rentável indústria da água mineral engarrafada, um dos mercados que mais cresce no mundo. No Brasil, por exemplo, a taxa aproxima-se dos 10% ao ano. “Há 30 anos, você não via uma garrafa de água em nenhum lugar. Agora, elas aparecem como um acessório fashion”, critica o nutricionista.
De acordo com Carlos Alberto Lancia, presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Água Mineral (Abinam), o crescimento do setor está relacionado a hábitos mais saudáveis dos brasileiros, que têm, cada vez mais, buscado diminuir a presença dos refrigerantes nas refeições. “A indústria de água mineral é uma das que mais cresce no Brasil porque as pessoas querem um produto natural. Quanto mais você aumenta a cultura do país, mais você vai ter consumidores de água”, defende. Segundo o geólogo, a média de consumo de água no Brasil é de 40l per capita por ano, enquanto a europeia é de 180l.
Em seu artigo, Tsindos relata os resultados da Pesquisa Nacional de Nutrição realizada na Austrália em 1995, um levantamento detalhado que procurou determinar o que os australianos saudáveis comiam e bebiam. Os números finais indicaram uma ingestão de 2,8 litros de fluidos por dia para as mulheres adultas e 3,4 litros para os homens adultos, total que incluía a água encontrada em alimentos e bebidas. Entre as últimas, estavam não só a água pura, mas também a disponível em chás, cafés, sucos, dentre outros. “Os humanos precisam manter um balanço de fluidos no organismo e beber água quando o corpo requer, mas, além disso, precisam considerar o líquido presente nos sucos, nas frutas e nos vegetais não processados”, defende Tsindos.
A nutricionista Fernanda Bassan ressalta que, para que os líquidos sejam incluídos de forma saudável à alimentação, é preciso evitar bebidas com açúcar, sucos artificiais e refrigerantes, inclusive os dietéticos. “Esses fluidos até podem contribuir para a hidratação, mas não são opções saudáveis para a alimentação. É melhor dar preferência aos sucos naturais, aos chás sem açúcar, à água, à água de coco e às frutas”, explica. Segundo ela, o consumo de frutas in natura é ainda melhor do que o de sucos, para manter o alto teor de fibras, vitaminas e minerais. “Devemos consumir pelo menos três porções de frutas e cinco porções de hortaliças ao dia. Com isso, já temos aproximadamente 500ml de água vindos desses alimentos.” Bassan complementa que, apesar de as frutas e verduras serem os alimentos campeões em teor de água, é possível encontrá-la também em carnes, peixes e pães.

Mito da desidratação Na pesquisa desenvolvida pela universidade australiana, outro ponto controverso diz respeito ao momento em que se deve ingerir líquidos. “Existe um mito de que, quando você está com sede, é porque já está desidratado. Isso não é verdade. Seu corpo só está lhe dizendo que é hora de beber. Ele vai absorver a água necessária e remover o resto”, defende Tsindos. Alcântara, entretanto, acredita que beber água de hora em hora, mesmo sem sede, faz parte de ações que visam prevenir possíveis problemas. “É como se você esperasse ter uma cárie para ir ao dentista”, compara o médico ortomolecular.
Além de sua importância em manter o bom funcionamento do corpo, a água é muitas vezes o personagem principal de dietas de redução de peso. Mulheres e homens, em busca do emagrecimento rápido, eliminam drasticamente os alimentos e dão prioridade ao líquido durante vários dias. A pesquisa de Tsindos, entretanto, revelou que a água nos alimentos ingeridos tem maior benefício na redução de peso. “Ela ajuda na perda da fome, mas não é, por si só, a responsável por emagrecer. É preciso combiná-la com um dieta de baixa caloria”, explica. Segundo o pesquisador, a ingestão exagerada de água, além de não ajudar na redução de peso, pode levar à hiponatremia, chegando mesmo à insuficiência cardíaca.
Um diferente ponto de vista, entretanto, é apresentado por Alcântara, que explica o processo de emagrecimento por meio da ação dos três grandes combustíveis do nosso organismo: água, comida e oxigênio. “Se falta um deles, nosso metabolismo diminui. Quem ingere pouca água retém líquido no corpo e acaba engordando. É por isso que a água é importante para quem quer emagrecer, porque é um dos combustíveis para o bom funcionamento do metabolismo”. O médico ainda esclarece que doenças relacionadas ao excesso de água ocorrem somente quando a quantidade ingerida é maior do que a capacidade do rim em filtrá-la e eliminá-la por meio da urina.
Apesar das polêmicas, para Carlos Alberto Lancia, não há nenhuma bebida que possa substituir a água, “o único produto 100% natural”. “A da torneira não é, a do filtro também não. Além disso, a maioria das frutas e verduras tem agrotóxicos. Essa é a realidade. Faça um teste e consuma só a água dos alimentos para perceber a diferença. Existem vários estudos no mundo sobre a água, mas devemos seguir o que é recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde): a ingestão de 2l por dia”, defende”.
Extraído de http://sergyovitro.blogspot.com.br/2012/06/dois-litros-de-agua-e-uma-grande.html

*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

Época de Festa Junina, o que comer?Posted: 20 Jun 2012 05:10 AM PDT

Época de festa junina com muita fogueira, bandeirinhas e brincadeiras. Que tal subir no pau de sebo, pular a fogueira ou dançar a quadrilha? NÃO??? “Mas tenho certeza que quando você ouve falar em festa junina já se lembra das guloseimas, que vai encontrar por lá, e que não são poucas!”.
Infelizmente perdemos um pouco da TRADIÇÃO de nossas festas e elas tem se resumido á venda de comidas típicas, onde antes gastávamos calorias, agora só fazemos adquiri-las. E o problema não se resume á isso, você hipertenso ou diabético, por exemplo, já parou para pensar nos riscos que essas “comidinhas” podem lhe trazer?
“Abra o olho” e fique atento, faça as escolhas certas!!
Você pode aproveitar dessas delícias sem sair da dieta, e o melhor, sem causar danos a sua saúde! Afinal, a boca se enche d’água quando falamos em pipoca, cachorro quente, pé de moleque, maçã do amor, paçoca, pamonha, canjica, arroz doce e quentão… Não degustar essas delícias nas festinhas, não tem graça. Não é mesmo?
Prefira alimentos menos calóricos e/ou que tenham propriedades benéficas. “ Saiba que sua ingestão de calórica pode chegar a 2000 calorias em apenas uma noite”. Pode acreditar!!!
Vou lhe dar umas dicas:
Antes de tudo, nem pense em sair de casa com o estômago vazio. Faça uma refeição leve antes, assim reduzirá a fome na festa e consequentemente a ingestão de guloseimas será menor. Cuidado com o OLHO GORDO! Você já se alimentou antes de sair de casa lembra-se? Não exagere nas quantidades, PROVE um pedaço PEQUENO de cada guloseima e NÃO REPITA. Opte por pratos in natura, como milho verde ou pinhão cozido, que podem ser mais nutritivos. Aproveite para consumir os alimentos que são encontrados nessa época do ano.
MILHO VERDE COZIDO, por exemplo, é rico em carotenóides, ou seja,  ajuda a manter a visão saudável e tem poucas calorias, em torno de 100 em 100g. Mas se for consumido com manteiga ou margarina esse número mais que dobra. Evite também o sal que ajuda a reter líquido no organismo.
Prefira CACHORRO QUENTE SIMPLES, somente com o pão e a salsicha que tem 260 calorias. Um completo com milho, ervilha, maionese, ketchup, mostarda, batata palha e queijo sobe para 575.
PINHÃO é fonte de proteína, cálcio, magnésio, vitaminas do complexo B, fibras e MUUUITO CARBOIDRATO, por isso cuidado – 5 unidades tem cerca de 100Kcal.
A ABÓBORA COZIDA também pode fazer parte do seu cardápio. Ela possui boas quantidades de vitaminas antioxidantes, como a vitamina C e E, além do betacaroteno. Seu consumo ajuda a diminuir o risco de câncer, doenças do coração e derrame. No entanto, EVITE combinações com leite de coco, coco e leite condensado.
O BOLO DE AIPIM quando consumido com MODERAÇÃO fornece nutrientes importantes para o nosso bem estar, como a colina, que mantém a nossa saúde mental.
BATATA DOCE é fonte de betacaroteno e fibras, apesar de ter sabor adocicado, ela não libera tanto açúcar no organismo quanto a batata inglesa, assim o acúmulo de gordura localizada é menor. Quando consumida SEM ADIÇÃO DE AÇÚCAR (assada inteira ou cortada em formato de tiras), apresenta cerca de 100 calorias em 1 unidade;
O AMENDOIM é rico em gorduras boas e vitaminas. Sozinho, é capaz de ajudar na prevenção de doenças cardiovasculares. Porém as versões pé-de-moleque e paçoca, são tão perigosas quanto saborosos. Por exemplo, 1 paçoca fornece 10% da recomendação diária de gordura.  Devemos tomar cuidado também, com a aflatoxina, resultado da reprodução do fungo Aspegillus flavus, que é uma substância tóxica e teratogênica (por isso devemos desaconselhar grávidas de  consumirem esse alimento), que podem ser prejudiciais também, àquelas mulheres que possuem candidíase vaginal ou outro tipo de fungo.
Substitua a paçoca pela pamonha, ou a canjica pelo pé-de-molequeo doce de leite pelo deabóbora ou pelo de batata-doceSão opções menos calóricas, mas que não deixam de ser saborosas.
A TAPIOCA é rica em carboidratos, porém, o valor calórico varia de acordo com o TIPO de RECHEIO. Deste modo, opte por recheios de frutas, evitando combinações com muito açúcar, leite de coco e leite condensado.
Vai comer ESPETINHO? Prefira o de frango ou de carne magra sem bacon! “Esse eu adoro, além de ser uma proteína de “ótima qualidade”.
Lembre que a adição de leite condensado e outros complementos aos alimentos comprometem sua qualidade nutricional tornando -o mais calórico e menos nutritivo.
Fique longe das bebidas alcoólicas: Um copo de quentão é o ideal. Afinal as bebidas alcoólicas, além de calóricas, estimulam o apetite e isso certamente levará ao consumo de alimentos muito calóricos e não saudáveis.
O consumo destes alimentos somados ao consumo de bebidas alcoólicas esta relacionado a problemas cardíacos. Em pessoas saudáveis, os riscos são menores, mas não devem ser desprezados.
Já diabéticos cardíacos e hipertensos, DEVEM APROVEITAR A FESTA PARA PULAR FOGUEIRA E DANÇAR QUADRILHA! (risos).  Brincadeirinha… Os pratos in natura para vocês estão liberados: milho cozido, batata doce e pinhão estão na lista sem contra-indicação (controle sempre as quantidades!). Se não resistir aos doces, limite-se a apenas 1 unidade. O quentão e o vinho quente não devem ser consumidos por pessoas deste grupo de risco.
Em casa, que tal fazer Á FESTA com um tipo de quentão diferente? Sugiro o quentão de Hibisco é leve e sem álcool, além disso, o hibisco é diurético e auxilia no emagrecimento. Sou viciada nessa receita, uso e recomendo muito, faça o teste, te garanto que você irá se surpreender com o sabor… #show!

Quentão de Hibisco

Ingredientes:

– 1 xícara de chá de hibisco desidratado  – 2 colheres (de sopa) de gengibre ralado  – 2 colheres (de sopa) de maçã desidratada  – meia casca de laranja  – cravos da índia  – canela em pau
Modo de fazer: Basta colocar os ingredientes em dois litros de água fervente, adicionar açúcar (1 colher sopa aprox. ) ou adoçante e deixar ferver por quinze minutos. Após ferver está pronto para beber, pode ser colocado em garrafa térmica.
Valorize mais as BRINCADEIRAS do que os alimentos disponíveis. Jogue bola na lata, suba no pau de sebo, pesque peixinhos de papel, dance quadrilha e forró. São maneiras divertidas de gastar energia e queimar as calorias extras.
CASO NÃO SIGA OS CONSELHOS E EXAGERE 1. Não pense em fazer jejum ou seguir dietas restritivas só porque exagerou na festa junina, lembre que elas são prejudiciais a saúde. 2.     Faça pelo menos 4 refeições no dia de pequenas porções. 3.     Prefira carnes magras, peixes e frango, cozido, assado ou grelhado e esqueça as frituras. 4.     Coma muitas frutas, verduras e alimentos integrais e naturais no lugar de refinados e industrializados para desintoxicar. 5.     Esqueças as bebidas alcoólicas. 6. Tome bastante água e chás e pratique exercícios físicos, para queimar as calorias a mais consumida na festa.




*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

Importância de beber água!!!Posted: 18 Jun 2012 09:00 PM PDT

Uma das formas mais simples de se manter saudável e com saúde é ter um consumo de água adequado.
A água é de extrema importância no organismo, pois ajuda a manter a temperatura corporal adequada, auxilia no processo de detoxificação (ou seja, desintoxicação do organismo), é essencial ao bom funcionamento dos órgãos, muito importante na regulação da pressão arterial, transformação de nutrientes em  energia  (portanto,  utilização  de  nutrientes  para  formação  de  energia  = queima de gordura, por exemplo = emagrecimento), entre outras funções.
Nós perdemos, em média, de 1,5 a 2 litros de água por dia, através do suor, da respiração, urina e fezes. O que influencia essa perda de líquido são os seguintes fatores: estilo de vida, metabolismo, estrutura corpórea, prática de atividade física, clima, etc.
Por  isso,  precisamos  repor  essa  água  perdida,  principalmente,  pelo consumo  de  água  pura.  Os sucos  e  chás  auxiliam  nessa  reposição,  porém lembre-se que os sucos contêm calorias (açúcares das frutas) e alguns chás não devem ser tomados em excesso ou somente com prescrição de médicos ou  nutricionistas. Refrigerantes  e  sucos  artificiais  ou  industrializados  não entram  na  contagem  e  devem ser  consumidos  esporadicamente!  Por  isso,  a recomendação é de 30ml de água pura por quilograma de peso, ou  30xpeso corpóreo=quantidade de água pura que deve ser consumida diariamente. Essa é  uma  recomendação  geral.  Para  pessoas  obesas,  por  exemplo,  devemos fazer essa conta a partir de um peso ideal (para isso é preciso o auxílio de um profissional)   e   em   épocas   mais   secas,   como   o  caso   de   Brasília,   essa recomendação pode aumentar para 35ml por quilograma de peso.
Outra informação importante: Não adianta beber de uma vez só 2 litros de  água.  Nosso  organismo  tem  uma  capacidade  de  absorção  de  água  que varia entre 100 a 500ml/hora. Portanto, o ideal, para adultos e idosos é beber 1 copo de água (200 a 300ml) por hora. Para homens que transpiram muito, essa recomendação pode aumentar para 2 copos de água por hora.
Ok,  mas  você  esquece  de  beber  água?  Você  pode  instalar  no  seu computador, de graça, um software que te lembre de beber água em intervalos de tempo determinados por você. Ou então colocar um alarme no celular de 1 em 1 hora te lembrando de tomar água (opção soneca de 1 em 1 hora). Segue link para download: http://www.baixaki.com.br/busca.asp?q=beber+agua

Mas  você  é  uma  daquelas  pessoas  que  não  gostam  de  beber  água porque não tem sabor? Sem problemas! Você pode fazer águas com sabores. É só adicionar na água algumas folhas de hortelã maceradas e higienizadas ou 1 rodela de gengibre ou algumas gotinhas de limão ou rodelas de laranja, etc. Deixe a imaginação fluir. O importante é a ingestão adequada de líquidos.
Agora é só arranjar uma garrafinha de água adequada, ideal que fosse de vidro ou aço inox, e…
Hidratar-se

*** O Texto acima é de responsabilidade do autor. Para dúvidas sobre o conteúdo do texto, deixe seu comentário ou entre em contato com o autor através dos contatos disponibilizados em sua assinatura.

You are subscribed to email updates from Liga da Saúde
To stop receiving these emails, you may unsubscribe now.
Email delivery powered by Google
Google Inc., 20 West Kinzie, Chicago IL USA 60610

Comments

Deixe um Comentário

Enviar

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt
0

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

pt Portuguese
X
%d blogueiros gostam disto: