STRESS – Gerencie melhor o seu, HOJE

#STRESS – Gerencie melhor o seu, HOJE

Você é perfeitamente capaz de lidar bem com stress mas NÃO é possível (nem desejável) eliminá-lo, ok? Que isso fique bem claro já desde o começo: STRESS é, por definição, qualquer reação que seu organismo tenha, física ou mental, visando reagir a algo que o desequilibrou (física, mental/emocional ou espiritualmente) e, na grande maioria das vezes, recuperar este equilíbrio (homeostase) perdido; e mesmo situações positivas podem gerar stress: caminhar, por exemplo, é gerar desequilíbrio a cada passada e contar com o reequilíbrio do organismo para que não se caia e a próxima passada seja preparada;outro exemplo é quando recebemos uma notícia muito boa: naquele momento é gerado um agradável desequilíbrio que, se não fosse compensado, poderia até levar a problemas de saúde. Ou seja, todo ser humano está sendo “agredido”, desequilibrado, a cada momento e precisa de inúmeras reações de stress para recompor-se e até adaptar-se e transformar-se no sentido de tornar-se mais forte contra novas agressões; só fomos feitos para desenvolver estresses de curta duração, resolvendo efetiva e rapidamente as suas causas e não para mantermo-nos sob stress por muito tempo seguido: nestes casos o stress excessivo promove desgaste do organismo, hiper-consumo de nutrientes, combustíveis e reservas, gasto excessivo de energia com o desequilíbrio causado e, se persistir, pode levar não só a doenças psíquicas como ansiedade e depressão mas também a doenças físicas diversas, sobretudo de fundo endocrinológico e imunológico.

 

Mas o stress pode, sim (e DEVE), ser melhor gerenciado: afinal, os estímulos externos (ou nossos próprios pensamentos, quando agem simulando ou relembrando estímulos externos) sempre existirão mas a forma como reagimos a eles, os stress gerados, são sempre processos internos, nossos, individuais, que bem podemos modular, controlar e até muitas vezes gerenciar de tal forma que não sejam incômodos e tornem-se até mais produtivos para o conjunto da nossa experiência humana: isto não é só teoria ou blá-blá-blá: abordo estratégias para você fazer isso em várias palestras e textos no www.icaro.med.br/artigos e no meu livro 11 Hábitos em 11 Semanas (primeira e segunda edição já esgotadas e terceira edição, ampliada, revisada e atualizada será lançada em breve pela Editora Conrad-Ibep-Nacional); por exemplo, mais especificamente neste link:

http://www.icaro.med.br/stress-ansiedade-depressao-suicidio/ eu mostro como o stress pode levar à ansiedade e depressão e também mostro outras opções úteis, efetivamente aplicáveis e práticas, para você aprender a gerenciar melhor seu stress, com sucesso.

 

Em essência, quando o assunto é STRESS tenha em mente 3 pontos principais:

como stress é algo inevitável e várias formas dele vão (e precisam) acontecer durante seu dia, a chave para seu bom gerenciamento passa por VOCÊ…

… Procurar gerar menos stress (neste ponto, organização e planejamento ajudam MUITO, já que desorganização e imprevistos são grandes causadores de stress – leia “O Hábito Zero e entenda/resolva isto melhor: http://icaro.med.br/habitozero),

… Lidar melhor com ele e

… Evitar remoê-lo repetidamente, tendo “pausas” regulares no seu dia a dia para relaxar, mudar de foco e ter lazer: evite ao máximo o “efeito ressonância” no seu stress ou ele literalmente destrói você! Entenda-o aqui: http://www.sofisica.com.br/conteudos/Ondulatoria/Ondas/ressonancia.php – é por causa deste efeito que tropas não podem atravessar pontes marchando: a emissão de ondas com a mesma frequência, pelas passadas altamente compassadas/ritmadas, repetidamente faz com que a força de cada passada praticamente some-se à anterior, o que com o tempo pode gerar força o suficiente para danificar e até potencialmente destruir a ponte!

Resumindo, a questão envolvendo “ressonância” no stress psicológico é a seguinte: quanto mais você mantém o mesmo padrão de pensamento “negativo” repetidamente, mais ele aumenta de força e no seu potencial de causar efeitos, inclusive físicos, de forma que ou você tem “pausas” ou os efeitos do stress tornam-se cada vez mais danosos.

 

LIDANDO MELHOR COM O STRESS

Se você acessou os links que sugeri acima, já sabe bem o que é stress, onde ele pode te levar se não for abordado adequadamente e obteve dicas para melhor administrá-lo; mas há mais que você pode fazer, conforme listo a partir de agora neste texto – mas não se preocupe em colocar todas em prática imediatamente: quanto mais delas você praticar, menor vai ficando seu stress de forma confortável, gradativa, no seu tempo… Afinal, se para diminuir seu stress você tiver que estressar-se pela preocupação em colocar em prática todas as “dicas anti-stress”, todo o nobre objetivo destas estratégias terá ido por água abaixo. Melhore-se no seu ritmo: só esteja sempre neste caminho de melhora!

 

AA – Estes 2 vídeos devem ajudar: O primeiro, mais completo, aqui: http://www.icaro.med.br/stress-ansiedade-depressao-suicidio;

O segundo é um curto vídeo do pessoal do INVS que dá dicas bem práticas sobre como diminuir e evitar o stress – para quem não está muito a fim de leituras longas, são só 8 minutos; confira:

BB – Minhas dicas preferidas para você, entretanto, são estas; digo “preferidas” porque são as que mais uso no meu dia a dia para manter o meu stress sob controle, ao máximo possível:

–       Hábitos de vida mais saudáveis são a base de tudo: quem tem bons hábitos sente-se e torna-se cada vez melhor e mais capaz de enfrentar e vencer quaisquer obstáculos na vida, já que adquire mais potencial e força de corpo, mente e espírito – acesse e entenda: http://www.icaro.med.br/sao-prioridades-sucesso-felicidade-vida/

–       MUDAR DE FOCO: é claro que temos que resolver problemas, os principais causadores de desequilíbrios que geram o stress. Mas lembre-se do efeito ressonância que discutimos acima: mudar o padrão de pensamento/comportamento regularmente, o “assunto”, até mesmo intencionalmente (mesmo quando o cérebro insiste em pensar em algo) é fundamental para esfriar a cabeça e, posteriormente, voltar a pensar e agir com mais clareza; a seguir algumas alternativas eficazes para isto que, como eu já disse, muitas vezes você tem que forçar-se a executar para romper um padrão de pensamento/comportamento potencialmente danoso:

–       Respirar fundo: faça isto várias vezes – te dá mais tempo para pensar e refletir melhor sobre o que fazer, melhora o funcionamento cerebral (“clareia” as idéias) e ajuda a acalmar, uma vez que o oxigênio exerce um efeito predominantemente calmante no cérebro. Entenda que o controle da sua respiração é um grande aliado no controle do stress.

–       Orar: acredite, boa relação com Deus sempre ajuda e traz mais calma, serenidade, felicidade e potencial de resolver melhor problemas

–       Rir: assista um bom filme ou vídeo… Por exemplo, o Youtube e o Vimeo estão repletos de conteúdo gratuito que bem servirão a este fim: rir ajuda a liberar inúmeras substâncias que trazem bem-estar além de melhorar até sua respiração

–       Escutar boas músicas: preocupe-se não só com melodias mas também com boas letras – conteúdo positivo e/ou alegre e preferencialmente edificante ajuda a melhorar o padrão de funcionamento cerebral e até motivar

–       Meditar: é mais fácil que você imagina e altamente efetivo… Cientificamente comprovado! Entenda e veja como fazer aqui: http://www.icaro.med.br/meditacao-voce-precisa-aprender/

–       Mexer-se: por vezes o stress manifesta-se como aquela sensação de que você está com tanta energia represada que vai explodir a qualquer momento, não é? Nestes momentos, o melhor é colocar energia para fora mesmo, tentando fazer isto de forma prazerosa, construtiva, positiva e/ou que pelo menos não seja danosa para ninguém: o exercício físico pode satisfazer perfeitamente todos estes pontos e ainda traz benefícios cardiocirculatórios, hormonais e imunológicos, junto à descarga produtiva de energia – toda atividade prazerosa, não danosa, traz estes benefícios

–       Dançar: consegue ajudar nos 4 pontos citados e ainda traz os benefícios da atividade física

–       Deixar os celulares e computadores de lado um pouco: eles trazem demandas e informações demais  constantemente, além de radiações eletromagnéticas que comprovadamente pioram o funcionamento cerebral – muitos são os casos atuais de stress causado ou piorado pelo uso excessivos deles

–       Contatar a natureza: Regularmente, todos deveríamos buscar colocar os pés no chão, banhar em água corrente, respirar ar realmente puro, ficar em ambiente onde predominem árvores, pegar Sol… Tanto para cumprir o sugerido no tópico anterior quanto para carregar as baterias e descarregar energias, algo necessário mas que pouco fazemos; confira: http://www.jcnet.com.br/Geral/2013/05/a-saude-que-vem-da-terra.html  –  até um bom banho já pode ajudar um pouco neste tópico

–       Ajudar o próximo: quando você doa parte do seu tempo e energia para ajudar alguém que deles precisa, mesmo à distância (pela internet e redes sociais você sempre pode dar um bom conselho, ser um bom ouvinte, etc) além de você “desfocar” momentaneamente dos seus próprios problemas (assim rompendo a ressonância negativa de pensamentos), você recebe a satisfação de ajudar o próximo e a troca de energia positiva de sentimentos de gratidão e de Bem

–       Procurar boa companhia: a energia de alguém que esteja bem (ou pelo menos melhor que você), bem como seus conselhos, idéias, papo e presença puxam você para cima; procurar por pessoas que também estejam com problemas ou aparentemente piores que você não ajuda e pode até te puxar ainda mais para baixo

–       Evitar abusos ou uso regular de estimulantes: os melhores estimulantes naturais são seus bons hábitos de vida – se seu organismo pede descanso apesar deles, melhor “obedecer” que acelera-lo artificialmente e aumentar seu desgaste, o que traz stress

–       Gastar energia com a solução de problemas e não com remoê-los: todo problemas requer 3 etapas para ser resolvido, que devem ser seguidas em nesta sequência: conhecer bem o problema, conceber as formas possíveis de resolvê-lo e investir tempo/energia nas tentativas escolhidas de solução. Tendemos a gastar mais energia remoendo o problema em si ou na prolongada indecisão sobre como resolve-lo mas nenhuma destas resolve: são meros passos para chegar à etapa 3 citada, única que efetivamente resolve problemas, quando as 2 anteriores foram bem cumpridas

–       Não deixar o stress “do outro” estressar você: hoje em dia em questão de horas você já foi forçado a entrar em contato com várias pessoas estressadas e, se você não vigiar direito seus próprios pensamento e atitudes, pode acabar influenciado por elas e aumentando seu próprio nível de stress

–       Fazer sua parte e acreditar em você mesmo: explico melhor aqui – http://www.icaro.med.br/habitozero

–       Em essência: mude de foco e busque fontes de energias positivas e ocupe-se da forma mais positiva possível! Mas se nada disto resolver seu stress, procure por ajuda profissional: possivelmente um bom psicólogo será importante para você não só resolver o stress atual mas também para aprender a melhor gerenciar estresses futuros – prevenção e tratamento com apoio profissional.

 

CC – A autora Luana Anjos, em seu bom livro “Eu Sou O Poder – Caminhos para uma Vida de Amor, Paz e Prosperidade” (leia o livro – vale muito a pena) dá boas dicas para você gerenciar melhor o seu stress através do básico, o melhor controle dos seus PENSAMENTOS; dicas como (baseadas no livro):

–       Pratique bons pensamentos

–       Ouça uma boa música para mentalizar boas coisas

–       Ore diariamente: eleva a alma e limpa a mente

–       Tenha boa leitura diária

–       Yoga, caminhada e esporte em geral.

–       Contemple mais a beleza da natureza e do que está à sua volta

–       Pratique a auto-sugestão: Eu sou forte, feliz, talentoso, amado, etc.

–       Decrete coisas boas sobre você e sobre o que você quer, constantemente.

–       Imagine situações confortantes e felizes.

–       Medite

–       Assista a bons filmes românticos, de ficção científica, de comédia, entre outros gêneros que nos fazem felizes.

–       Ajude aos que precisam: você assim ajuda e é ajudado

–       Ouça boas palavras e boas músicas

–       Prefira atividades que relaxam e acalmam

–       Não se deixe influenciar por pessoas e situações negativas ou palavras amargas

–       Evite escutar e ler notícias maléficas e catastróficas

–       Não critique e nem julgue as outras pessoas e evite conversar com pessoas que têm este tipo de comportamento

–       Acredite profundamente no amor e no perdão

 

DD – Como escrevo muito sobre o tema, estou sempre acompanhando material sobre o assunto, de forma que possa constantemente “garimpar” informação de qualidade para vocês. E foi nesse espírito que “esbarrei” com o excelente ebook do Dr. Ken Nedd, de apenas 14 páginas, disponível para download gratuito na internet no site do autor www.drnedd.com. O livro é de leitura ultra-rápida e, intitulado em inglês “25 ways to stop stress now” (25 formas de parar o stress agora), dá 25 conselhos que, na minha opinião, são realmente muito úteis para quem quer gerenciar melhor seu stress. Confiram estes tópicos, melhor desenvolvidos no livro do autor e no seu site (onde recomendo leitura atenta para o devido aprofundamento no tema e em cada dica abaixo, para os realmente interessados em resolver problemas) – só traduzi o que julguei ser mais importante sobre cada um deles:

 

1 – VOCÊ é o mestre das suas emoções

E suas emoções mudam a química do seu organismo. Situações concretas existem mas COMO iremos nos sentir sobre elas é de NOSSA responsabilidade. Uma das mais importantes chaves para enfrentar o stress é aprender (sim, é possível) gerar sensações de felicidade sobretudo nos períodos difíceis.

 

2 – Stress é a sua resposta

Stress não é o problema em si: é a SUA resposta a ele e você pode perfeitamente desenvolver formas melhores de reagir a problemas.

 

3 – Circulação

Quando estressado você sente extremidades frias porque a circulação ficou ruim para lá: respire direito e mexa-se para restaurar boa circulação e até seu cérebro agradecerá

 

4 – Auto-estima

Melhore a sua como passo fundamental para lidar melhor com o stress

 

5 – Presença é poderosa

Se você está estressado, desfoque um pouco do seu próprio sentimento e ajude alguém, o que nem sempre precisa de palavras: muitas vezes só a sua presença, sua companhia é o suficiente

 

6 – Felicidade: a chave da longevidade

Torne-se uma pessoa mais feliz e que sua felicidade não seja extinta pelos problemas – este é um dos passos fundamentais para a longevidade

 

7 – Relaxamento diferencial

Relaxe os músculos que você não está usando em um dado momento, para não gerar tensão desnecessária

 

8 – Escolha a felicidade

Procure agir e reagir via pensamentos, atitudes e comportamentos mais positivos

 

9 – Não lute

A não ser que seja realmente necessário, fuja de conflitos: você sempre gasta energia neles e sempre sai mais fraco

 

10 – Cinco dicas para grandes realizações

–       Encha seu coração de boas emoções

–       Gerencie melhor onde investe sua energia

–       Associe-se a “vencedores”: siga-os e busque os segredos das suas vitórias

–       Valorize seu tempo

–       Escreva seus objetivos, para tê-los mais claros à sua frente (onde você quer chegar)

 

11 – Eu sou responsável

Você pode até não ser o “culpado”, condenável, pelo que ocorre a você, mas assuma a responsabilidade pelo que seja cabível e siga em frente: culpa nunca leva a lugar algum produtivo

 

12 – Enfrente o medo

Identifique seus medos e enfrente e resolva suas causas

 

13 – Renove-se

Precisamos crescer e mudar/evoluir continuamente

 

14 – Estabeleça e alcance objetivos

Gaste tempo e energia com o que seja relevante para isto e tente ignorar o que não seja, mesmo que seja tentador

 

15 – Perca peso

Não tenha em casa ou acessíveis alimentos ruins, que engordem

 

16 – Você perdoou?

Perdoar não é sobre a outra pessoa: é sobre você. Quando você não perdoa, até sintomas desenvolve, psicológicos e físicos

 

17 – Consciência

Preste atenção não só ao seu exterior mas também ao que ocorre dentro de você: escute-se, perceba-se, conheça-se

 

18 – Três formas de combater os três ingredientes do stress

–       Lide com pessoas difíceis com paciência e “esportiva”

–       Em face de uma dificuldade diga: “eu consigo lidar com isso”  E  recupere o equilíbrio do corpo, entendendo que “tudo passa e nada vai nublar os céus para sempre”

 

19 – Sonhe alto

E escreva seus sonhos e objetivos, para assim mantê-los os mais claros possíveis

 

20 – Ego

Controle seu ego ou ele controlará (e estressará) você

 

21 – Repare as brechas

Conserte relacionamentos que sejam importantes para você e que não estejam indo bem, mesmo que você tenha que tomar a iniciativa

 

22 – Perguntas para você fazer para você mesmo

Faça-se regularmente perguntas-chave que permitam avaliar seus objetivos, seus progressos, como você está realmente envolvido em atingi-los e o que precisa corrigir para ter mais resultados

 

23 – O poder do silêncio

Invista tempo em ficar em silêncio, diariamente: é no silêncio que “coisas grandes” são planejadas

 

24 – A membrana celular

Como a membrana “filtra” o que não deve entrar na célula, filtre o que possa ser danoso à sua saúde e felicidade

 

25 – Aceite sua grandeza

Entenda que você é uma grande criação de Deus, é único, é capaz de lidar com o que quer que a vida te traga e por tudo isso merece respeito e consideração; e que todos os outros que te cercam estão na mesma situação, devendo ser considerados e respeitados por você – assim você tende a receber o que der.

 

 

 

 

Coloque em prática tudo isto, no tempo, no seu ritmo: invista tempo e energia em VOCÊ e administre melhor seu stress e sua vida!

 

Um abraço e sucesso!

 

Dr. Ícaro Alves Alcântara

 

“Toda grande caminhada começa por um simples passo” (Confúcio)

Desejo sucesso e SAÚDE na sua caminhada!

Comments

Mostrando 2 comentários

Deixe um Comentário

Enviar

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt
0

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

pt Portuguese
X
%d blogueiros gostam disto: